11

mai

Educação a Distância facilita o preparo dos concurseiros

Tags: , , ,
Crescimento da Educação a Distância
no país tem criado oportunidades de preparação,
que têm como plataforma principal o uso do
computador. A educação a distância atrai cada
vez mais alunos,  milhares de estudantes se
preparam para concursos públicos sem sair de
casa, graças a essa modalidade. Contudo,
apesar das inúmeras facilidades e vantagens
(como a economia de tempo e dinheiro),
a EAD não é para todos. Para aderir a este
modelo de aprendizagem o candidato deve
ter muita disciplina. É o que comenta Wagner
Neves, técnico do Tribunal Regional Federal
da 2ª Região, que abrange os estados do
Rio de Janeiro e Espírito Santos.

"Estou estudando para o cargo de oficial
de justiça do próprio TRT. Percebi que a
EAD exige muita disciplina, dedicação e
organização, o que, para alguns, pode se
traduzir em desvantagem. Como tenho
essas características, estudar em casa,
para mim, é vantajoso", completou.
Para Wagner conta também a parte
financeira; segundo ele é mais econômico
estudar a distância. "Veja bem, não tenho
gastos extras com lanche, passagem,
além de não me deslocar. Me livro do
trânsito, o que é muito menos cansativo.
E, comparando com o modelo tradicional,
presencial, o rendimento da hora-aula é
muito maior", declarou.

A artista plástica Vera Lucia, que está se
preparando para o concurso de auditor
da Receita Federal, aponta outras
vantagens da EAD. Ela é radical ao
menos em um ponto: não vê desvantagem
alguma na modalidade de aprendizagem
apoiada em tecnologias. "Sou uma
artista plástica, estou em processo
de exposição e ainda tenho três filhas...
Não tenho tempo de me deslocar até
um curso. Fazendo o curso a distância
tenho a possibilidade de estudar na
hora que eu quiser ou puder. E, até
mesmo, onde estiver" completou.

Segundo a assessora de direção
do Canal dos Concursos, Micheli
Gargalhone, a oportunidade de
estudar em qualquer lugar é o que
atrai cada vez mais alunos para
o modelo EAD. "Nós temos uma
média de 30 mil alunos. E a
oportunidade de estudar no
momento que quiser, e onde quiser,
atrai os candidatos de concursos
públicos, que quase sempre já
trabalham e têm uma agenda cheia.
E o aluno ainda tem a opção de estudar
a matéria que tiver preferência,
rever aquela na qual tem mais dificuldade.
Ele pode customizar seu curso,
estudando todas ou comprando
apenas aquela pela qual tem
maior interesse", conclui.

Fonte: Folha Dirigida 
Em 11.05.2012

Compartilhe
  • Orkut
  • Imprimir

Comente

Twitter

Siga-nos!